24 de nov de 2009

k'

ae galera, reabrindo as portas disso aqui novamente, depois de um longo tempo de hiato, bem não queria enrolar muito então vamos logo para o text.

Penso a cada instante, na possibilidade do distante encontro, poder toca-la e ver que é algo real e não meramente ideal, senti que a possibilidade de um ato acontecer faz meu espírito se sentir com um aventureiro veterano, que após diversas batalhas e aventuras descansa. Então eis que aparece algo nunca antes conquistado e mais uma vez ele se levanta para buscar seu tesouro estimado.

Converças
risonhas, sentimento puro e uma relação extremamente focada no dialogo, só que, mais uma vez me pego a sonhar. Mente inospida para meus domínios, mas suave como os campos com belos carvalhos. O que esperar dessa cina? não sei oque poderia me acontecer após te conhecer, não sei como poderei reagir. De fato deixar acontecer é o caminho a se tomar, mas me perdoe, sou um ser humano que tem medo doque não conhece. Se bem , contrariamente é oque me faz senti vontade de conhecer.

Sublime como a neve, gentil como um melhor amigo e delicada como uma flor rara de lotus. Espero te encontrar na próxima aurora que se aproxima, em singelas palavras e de maneira um pouco sonhadora eu digo a você oque penso. Você é especial para mim, de uma maneira única.

24 de out de 2009

Parado... por enquanto

ae galera! é andei sumido :T mas é pq ando sem tempo e n acho ninguém para me ajudar como esse blog.. e afinal, para aquele q lêem (q eu acho q lêem) se possível deixem algum cometário ou sugestão , pq até o fim do ano eu ainda posto algo novo, por enquanto to me dedicando a outras atividades.

bem, se realmente alguém ler terei atingido meu objetivo e paz para todos :B

Resto do Post

14 de set de 2009

Sonhos, sem eles eu não posso acreditar e ter fé

Viver, por que viver? para que devo continuar com esse caminho cheio de cinzas, e cordas de marionetes, como devo ver esse mundo como algo que possui um sentido, se nem mesmo sei o meu?, muitas perguntas, muitas respostas, respostas essas que não me fazem sentir vivo, apenas me lançam em um precipício onde só sei que tenho o direito de escolher o buraco ou a lança a me perfurar. A vida é um péssimo jogo, onde não me deram a chance de escolher joga-lo, queria que outros visem o que acho que vejo. Sinta a minha dor apenas um momento.

Alguns me falaram de sonhos, que eles dão a direção para um caminho que dizem que existe. Sonhos, movem montanhas entrelaçadas com a fé. Fé essa que muitas vezes construida como um diamante, muito resistente e ao mesmo tempo tão frágil. Minha razão, teima em mata-la nem que seja aos poucos, mas sem ela não sei quem sou. Viver no preto e branco é o mesmo que está morto sem ser enterrado. Quero viver, sem saber o porque, mas quero viver.

Para oque devo viver, para oque devo lutar? Enquanto você se congela no iceberg de pensamentos e lampejos mentais, a luz da ilusão paradoxalmente lhe revela uma direção. Aquele que é capaz de sonhar, e homem suficiente para entregar sua vida pelo mesmo, sem saber que isso pode ser real ou não. Aquele que não teme a morte, e nem o seu destino, aquele que viver por um bem, por uma razão, a fé que os levam a algum lugar. Admiro e sinto um pouco dessa chama em mim.

Se minha existência necessita disso para permanecer viva, não encontro outra saída do que racionalmente acreditar em algo um tanto irracional, nem que seja para ver as flores caírem e dizer: "Por causa deles eu existi".

Resto do Post

8 de set de 2009

A cegueira da razão

Pensar, e agir racionalmente geralmente é sempre o melhor a se fazer, problemas podem ser resolvidos, circustâncias podem ser melhor aproveitadas, planejamento, arquitetura de ideias e razões de explicar a realidade. A parti de um determinado ponto de vista posso chegar a qualquer lugar que eu queria, basta eu usar minha incontestável razão... é eu sou inteligente.

Não me preocupo com muitas coisas, posso resolve-las rapidamente sem muitos transtornos, sou culto e adoro musica, de preferência clássica, a ciência é umas das minhas maiores inclinações, já que quero conhecer a verdade mesmo que seja só metafisico.

Relacionamentos? Ah!, não gosto muito de me envolver neles, são situações muitas vezes sem sentido e não demonstram nem um pouco de interesse para mim. Não ah nada mais interessante do que pensar.

A propósito da minha própria razão, e vontade de conhecer tudo para ter maior conhecimento, estava eu me pegando a pensar um pouco sobre a vida. Bem, após uma grande batalha cognitiva, vi que minha razão só me leva a um desejo utópico e um pouco angustiante de perfeição. Após a percepção, devia ter nascido maquina ao invés de ser vivo.


Resto do Post

23 de ago de 2009

Um coração que não sabe chorar.. Tempestades e tempestades


Sabe aquela sensação que tudo faz você se sentir só, mesmo muitas pessoas estando ao seu redor, está triste mesmo todos estando felizes, se sentir inseguro quando todos estão seguros.... no pior das hipótezes, não se sentir presente ou deslocado da realidade por achar que você é muito estranho ou está muito pra baixo para pode ser colocar no seu devido lugar? momentos assim são tão comuns e tão importantes que ironicamente são banalizados.

Andar por ai achando um lugar de conforto naqueles que não entendem oque você sente, senti que aquele refugio é apenas uma porta fechada para você, e o melhor a fazer é andar na chuva de duvidas e baixa alto estima.

Sua couraça aparenta está bem, mas o seu interior está esfarelado como pó de areia fina, clamando para que alguém ou algo te ajude a se recompor. Difíceis momentos, difícil clamor que não pode ser ouvido por ouvidos pouco preparados. E a dor continua, a caminhada continua... Ruas estreitas de oportunidades perdidas, por não sabe controlar a maquina que á em você, sua essência desfalece de atenção... Eu pareço forte, mas sou fraco.

Meu coração clama por lágrimas que insistem em não virem, as batalhas me ensinaram a ser forte e a sempre levantar, mas estou cansado de lutar, minha alma procura paz.

Coração teimoso que não consegue aprender a chorar, no momento que mais se necessita, a razão não obedece o sentimento. E oque fazer? bem, o negocio é continuar andando nessa chuva que teima em me seguir a cada esquina, talves na próxima curva o sol abra pra mim e eu possa mais uma vez reorganizar e moldar meu boneco de areia.

Resto do Post

14 de ago de 2009

Musicas instrumentais nas quais eu gosto

Bem vou postar algumas musicas instrumentais, que particulamente são inesqueciveis. E ainda dizem que heavy metal e so barulho :B












Resto do Post

4 de ago de 2009

Tempestades de Incertezas, o mar que me faz morrer.

Durante anos, a incerteza e a curiosidade por lugares não explorados foram o motor das grandes descobertas humanas. Ao mesmo tempo que as descobertas estavam acontecendo, algo contrario ao pensamento de progresso estava ocorrendo, aquilo que motivava os homens agora o está matando... e matando aos poucos...

A cada esquina, a cada estalo de pensamento, andando em direção a uma escuridão sem fim, onde o único lugar onde se pode enxergar é a ponta de uma vela, que por cima está em risco de se extinguir. Viver é um desafio, mas está se tornando um fardo, um fardo na visão filosófica, cientifica e existencial. Hoje sabe-se ou pelo menos se aceita que não existe um conhecimento totalmente verdadeiro ( não irei entra na questão do conceito de verdade), aquilo que foi hoje talves não é mais, até a matemática não é exatamente precisa quando se tratando de enormes distancias, e identificar coisas no campo mais pequenino do microcosmo.

Andar apenas com a garantia de uma vela, que apenas ilumina seus pés, e lhe mostra que está cercado por um mar de inginorância, faz o ser humano chorar, chorar de angustia e admitir suas próprias limitações, poderia até ser uma das feridas narcisicas mas quem sou eu para definir tal coisa. A realidade dos fatos é bem impirico: vivemos com medo, inseguros e ansiosos, escondemos nosso fardo em momentos de alegria, que certamente não quer dizer felicidade. Não sabemos nada da morte, apenas ela sabe tudo de nós, onde em toda empreitada da humanidade para engana la ela sempre está um passo a frente. A ciência veio para clarear, e a única coisa que está ficando clara e a nossa própria inginorância em definir fatos, será que a universalidade ou algo superior seja apenas uma tentativa desesperada do homem de não se matar em sua maior dádiva? O pensamento é o nosso maior fardo, onde cada vez que penetro nesse mar que não conheço, mais me afogo nele, e não consiguo deixar de me aprofundar cada vez mais.

Resto do Post

30 de jul de 2009

Tempos ausentes

Galera foi mal ae, e que eu tava meio que curtindo as ferias e sem tempo de vim aqui, as ideias também não estavam colaborando xD, minhas aulas estão voltando semana que vem e espero postar com mais frequência e com assuntos novos e tentando escrever cada dia melhor, abração ;].

Resto do Post

16 de jul de 2009

O amor está morto

É meu amigo ele está morto, enterrado e esquecido. Nem vem dizer que não, por que eu e você sabemos que ele está em fazer terminal, ou melhor lutando pra sair da cova.

Vida corriqueira, situações cada vez mais dificies e complicadas, sobra tempo para amar alguém? Não me refiro a gostar de alguém, eu falo no real sentido da palavra, amar alguém. Nossa você deve pensar, cada um ama de um jeito, é cada um ama do jeito que quer só não entendo uma coisa. Você está com uma pessoa porque gosta dela, se sente bem, acaba a química você se desfaz como se fosse o melhor a ser feito, e realmente é o menos pior. Se fosse amor isso não acabaria, se fosse amor você não pensava só em seu estado de prazer, se fosse amor você respeitaria mais e não iria querer coisas levianas, se fosse amor você realmente amaria.

E, pelo visto da pra ver minha indignação, mas nem venha me dizer que eu nunca amei, amei sim, e sofro sequelas até hoje, mas estou tentando superar ou ao menos lidar com ele. E ruin, desagradável, e ao mesmo tempo bom, maravilhoso onde você encontra o real sentido da vida. Minha maior indignação é que muitas pessoas chamam qualquer coisa de amor, a banalização acabar com as coisas e leva elas a negligência. A alguma coisa errada, e não sou eu quem diz, é o mundo. Nunca vivemos em uma época de enorme solidão. Será que realmente a época dos nossos avós era tão ruins assim?


12 de jul de 2009

Coisas nas quais não consiguo fugir

Demorei mas voltei ;D! Sabe como é, ferias eu fico meio desligado.

Estava eu matando minha ansia de andar de sk8, quando cheguei no cond. para conversar com um amigo meu. Falamos sobre inúmeras coisas até comentar-mos sobre o capitalismo, que não conseguimos viver ou sair dele. Após alta descontracção, eu não conseguir para de pensar naquilo. Comecei a notar que existem muitas coisas nas quais não conseguimos fugir, por mais que tenhamos vontade e determinação para isso.

Já que comecei com o capitalismo, vou falar um pouco sobre ele. Tudo que nós temos e tudo que teremos vem do dinheiro( isso é obivio e fato). Mas quando somos mais novos (ta não sou tão velho assim) pensamos em coisas nobres, revolucionarias e ousadas digamos assim. Com o tempo percebemos que não é muito fácil lutar contra isso, até porque hoje em dia tudo é em escala global. O consumo nos faz tão bem , que a lei de não se acomodar e sempre seguir adiante não se aplica a ele. Estamos acomodados a comprar e a consumir mesmo que seja ecologicamente correto. Mulheres fazem compras para não ficarem deprimidas, homens fazem compras para alcançar um sonhos de consumo (pelo menos ao meu vê) e enumeras outras coisas.

Não podemos também, fugir do erro. Não conseguimos não errar. O Erro e tão marcante e incomodo para o ser humano que sempre buscamos nós aperfeiçoar para não errar mais, ou pelo menos erra menos. Nas relações pessoais isso é tão marcante, que você faz uma coisa achando que ta fazendo certo, mas para uma pessoa você está errado e para outra não. Tirei a conclusão que erro é relativo, opinativo, não é abstrato, e é concreto a todos, entrei em outra conclusão, Certo e Errado existem também, não de maneira individual, mas de maneira universal, só está perdido no emaranhado de informações e modos de ser.

Outra coisa, que até ouvi um amigo meu falar é sobre amigos. "Temos necessidade de confiar em alguém", isso também mexeu comigo. Confiar, ter confiança... é realmente todos nos esperamos confiar em alguém, para diminuir o nosso fardo do dia dia, não ter com quem confiar é andar em um mar de espinhos sem piedade. Mas seria apenas isso? para alguns sim, para mim não. Já escrevi sobre amizade e explica um pouco do que eu acho. Mas não podemos fugir disso.

Não conseguimos fugir de contar algo para alguém. Parece que carregar a maioria das coisas não é realmente possível. Sempre em algum momento você irar falar algum problema seu para alguém, não adianta nem fugir, quanto mais tempo você demorar para fazê-lo mas ele lhe fará mal (eu o que o diga).

Viver em sociedade e ver os problemas do mundo muitas vezes de modo passivo e individualista. E impossível fugir também. Querendo ou não, somos todos individualistas, uns mais e outros menos, mesmo sabendo que o altruísmo é necessário para uma vida plena isso volta ao ciclo do capitalismo.

Olhando para tudo isso penso que muitas vezes a nossa autonomia, nosso ego de achar que podemos tudo sem a ajuda de ninguém, que podemos fazer o que queremos a hora que queremos se resume a nada, quando colocamos tantas coisas que estão a mercê da cultura e nossas necessidades. Penso é determinado por uma serie de acontecimentos e sistemas, isso me deixa triste as vezes, mas também notei que analisando profundamente tudo isso, existem duas coisas: Você tem escolhas, você decide para onde ir. Na minha visão essa é a excelência da liberdade em meio a tantas coisas determinadas. O mundo é meio um e outro, não sei como, mas é.

11 de jul de 2009

Cain's Offering- Gather the faithful

Bem hoje será um post diferente. Não posso deixar de falar dessa banda que tem como fundador o Ex- Sonata Arctica(e meu ídolo*-*) Jani Liimatainen. Ainda to escultando o cd da sua nova banda, que por sinal vazou na net. Ele é estimado ser lançado mês que vem (Agosto), o som ta muito bom com uma pega bem as raízes do power metal :p. Para quem gosta de Sonata Arctica assim como eu( sou alucinado) vai curti a banda. ah e sem falar que em Setembro tem CD do Sonata vindo ai. Cara meu coração está divido *-*www.cainsoffering.com.

Integrantes.



Timo Kotipelto- Vocals
Jani Liimatainen- Guitars
Mikko Harkin- keyboards( Teclados)
Jukka Koskinen- Drums (bateria)
Jani "Hurtsi" Hurula- Bass (baixo)

4 de jul de 2009

A Guerra e a vida de Michael Jackson

Opa! voltei xD!

E falando bem rapidamente, todos sabem que Michael Jackson morreu, suas músicas estão sendo novamente tocadas e todos os lugares e em todas as partes, fãs aparecem aos montes, é como se o reino do " rei do pop" estivesse cido alavancado após a sua morte. Odeio essa ideia de só da valor a alguém ou a uma pessoa após a sua morte, ou depois de perde-la. É ele foi um ícone, uma grande pessoa.

Escrever um pouco sobre ele me fez lembrar coisas em paralelo que a principio não tem nenhuma ligação aparente, a guerra e seus " heróis" anónimos. Como Michael Jackson foi, eles são aclamados dês do começo de sua carreira como os defensores de uma nação, se tornaram marginalizados e repugnados pelo seu povo por cometerem atrocidades e coisas babaras, e quando morrem são aclamados como verdadeiros símbolos de conduta e coragem, irónico e triste não?

Sentir que estão indo em uma direção que não tem volta, saber que dai em diante será muito trabalho duro, criticas, méritos e "escândalos". Como assim "escândalos"? Simples.

Pessoas em guerras são levadas a fazerem coisas, que vão contra muitos dos seus princípios como: Matar crianças, mães e pais de família, matar alguém por força do comando, ou simplesmente matar para não morrer. Regras de Guerra imutáveis. Guerras vangloriam um povo, isso era o que costumava a acontecer no passado. Pensando bem, não vejo gloria na aniquilação de outro, independente das circustâncias. Sentir na pele que poderia ser o seu filho ou sua família naquela situações devem lhe atormentar pelo resto da sua vida, sem falar nas torturas e mutilações.

Michael Jackson foi acusado muitas vezes de pedofilia, de abusar de menores, coisas que nunca realmente foram comprovadas. Sua vida foi marcada de muito prestigio e escândalos, ate pudera, ele era um homem rico e famoso, vivendo em um pais com o espírito capitalista mais aflorado que qualquer nação, quem não adoraria tirar um proveito da tal "inocência" do rei do pop e ganhar muito dinheiro?.

Como nas guerras, ele teve traumas que levou para o resto de sua vida. Ele tinha gloria, tinha fama, mas não tinha paz.

Michael e a Guerra seria uma comparação até essentrica demais eu suponho, mas em minha humilde observação, aconteceu com ele oque acontece com muitos combatentes. Só se torna um herói após ser massacrado, e sugado até a alma pela seu pais, coisas que seus fãs o fizeram até o fim de sua vida. Muitos que um dia acusaram e zombaram dele, após a morte dizem que foi um homem bom, o mesmo de um povoque presta honras a um soldado. Que descanse em Paz.


Resto do Post

30 de jun de 2009

Controle o desespero, acabe com o seu "hollow"


Ae pessoas, tudo bem? bem eu to +/- ainda to me recuperando... Assim que deu eu vi aqui postar alguma coisa nova, então vamos nessa.

Quando nós passamos por momentos dificeis, grandes traumas, ou decepções massivas, parece que a "fé" naquilo que acreditamos desaparece, a vontade de se erguer não é a mesma de tempos atrás, você não entende e simplesmente o vazio toma conta de você.

Engraçado que sempre lutamos contra algo invisível, um tipo de fantasma que só aparece quando nosso espírito está fragilizado, aquele "other side" que vem infernizar a sua vida, colocar você e altas reflexiões de maioria angustiantes e deprimentes.

Porque devo lutar? porque devo me reerguer? Simplesmente para continuar vivendo? ou apenas para sobreviver?

Demónios que nos assombram, que tiram o nosso sono, que parecem querer nós dominar e assumir o comando de Rei do seu mundo, onde eles são os cavalos e querem a qualquer momento te derrubar. Mas eu penso sempre, a culpa não foi minha, ou simplesmente, não mereço tudo isso, a agonia persiste.

Dominar as forças, se manter em equlíbrio mesmo sem saber o porque ou para que, é mais do que suficiente, mas a dor não irár embora. Equilibro pode não dizer oque fazer, ou não mostrar aquilo que você realmente quer, mas é o "coringa" que faz as coisas darem uma reviravolta. Enquanto mantenhe-se firme, seus demónios perdem força, sua alma parece voltar ao seus eixos, ao poucos você começa a se levantar e limpar as feridas, vê que aquilo não passava de uma pequena tormenta, onde seus "hollows" foram postos a prova.

Obs:" O texto foi feito baseado no personagem Ichigo do anime Bleach, onde o seu lado ruim é chamado de Hollow. Seria apenas uma comparação entre nossos momentos de batalha interna que muitos de nós passamos".

Resto do Post

24 de jun de 2009

Ter felicidade não é o mesmo de ser feliz

Desculpa ae pessoal^^, e que eu passei um tempinho longe daqui mas já estou de volta, e queria avisa-los que vou ficar +/- 15 dias sem poder postar direito( vou fazer uma operação), mas vamos lá.

Quem não quer ser feliz nessa vida? encontrar um motivo para vencer todos os obstáculos, fazer coisas inesquecíveis, ser reconhecido, viver um grande amor... coisas que aclamamos por viver em nossa vida e ser bem sucedido nelas. Algo pairou em minha mente... será que viver intensamente tem o mesmo sinônimo de vida feliz? será que o objectivo e modelo mostrado pela sociedade e o caminho para ter felicidade? será que é algo impossível ser feliz?

Viver inúmeros momentos de alegria não quer dizer que você é uma pessoa feliz, ou se você é uma pessoa triste. Alegria é um estado de satisfação passageira, que muitas pessoas buscam insessantemente obtê-la, por sermos imediatistas e querermos viver intensamente. Você está em uma festa, está adorando está la, mas parece que no outro dia não serviu de nada aquele momento, ou melhor a sensação permanece por alguns dias e depois você está lá, infeliz novamente, e o ciclo recomeça. Não digo que fazer as coisas que te faz feliz não é algo bom, pelo contrario são de extrema necessidade para nossa vida em plenitude e satisfação pessoal, só que há outros pontos.

Felicidade, é um estado continuo de felicidade, mas não no sentido que damos a ela, felicidade é você se senti bem com a sua vida, mesmo não passando pelo estado de êxtase da alegria, para exemplificar melhor vamos compara com o amor e a paixão. Amor é um sentimento duradouro, que pode existir pela sua vida inteira ou não, vai depender de você. Paixão é o sentimento momentâneo, é o êxtase da relação, é o fogo incontrolável. A vida e a felicidade são a mesma coisa, paixão é necessária para que se haja amor , então momentos felizes são necessários para que se haja felicidade, não que ambas sejam a mesma coisa mas que uma depende da outra.

Ser feliz não é está feliz agora, ser feliz é estar bem consigo, com os outros, com suas escolhas, e com o mundo. Não é algo fácil de se conseguir, não é algo que aparece da noite pro dia, é construído a parti de suas escolhas, interações e modos de ver os acontecimentos de sua vida.

O mundo diz que devemos buscar-la incessantemente, devemos fazer de tudo para atingi-la, de fato acredito nisso mas, sem pisar ou cometer atitudes impensadas, porque o bom de hoje pode ser o seu carrasco de amanhã. Amar, viver momentos, está com alguém que você gosta, amizades, todas elas são a estrutura de tudo, e não creio que amores ou pessoas devam ser momentâneas, já que pessoas não são bens de consumo que você usa e depois descarta por outro "melhor". Hoje somos mais infelizes do que nossos antepassados, então estamos andando de maneira invertida e camuflada por um objetivo muitas vezes futiul, imaturo e egoísta. Achamos que ela está dentro de nós, que ela está em nós, mas não existimos sem os outros, tudo que elas façam nos afetam. Porque algo tão óbvio e simples, está camuflado nesse turbilhão de escolhas e tendências?.

Para cada pessoa isso é diferente, por isso dizem que felicidade é algo relativo, porque você da os rumos do seu caminho, onde o personagem principal é você e aqueles que te rodeiam. Mas a felicidade não depende de mim? Bem , eu acredito que não, ela depende de todos nós que lhe rodeamos e fazemos a sua vida acontecer, para mim, isso é ser feliz nesse mundo passageiro.



Resto do Post

21 de jun de 2009

Drogas. Legalizar ou não?

É um assunto bem questionável, polemico e do interesse de todos. Em muitos programas baseados no debate estão falando sobre esse tema. Será que com a legalização diminuiria o número de viciados, ou cortaria os vínculos com o tráfico, e muitas famílias não passariam pelo sofrimento de ver seu filho padecer de dependência?

A todo instante estamos consumindo algum tipo de bebida, cigarro, remédio que, não deixam de serem drogas, drogas ilícitas. Propagandas das mais apelativas possíveis, se tratando de persuadir o cliênte ao consumo, vivendo em uma cultura que tem como o uso das mesmas uma demonstração de status, de alto afirmação diante dos amigos. Bebida é um tipo leve se comparado aos outros tipos de drogas, mas não deixa de causar suas dependências e males como qualquer uma faz. Cigarros com fotos de pessoas que sofreram de câncer, de impotência sexual, de apodrecimento dos dentes, e inúmeras enfermidades tentando nos alertar das consequências do uso prologando, mas não ligamos, porque o nosso vicio não deixa, porque o status não deixa. Somo levados a não se preocupar com os malefícios, já que eles podem não acontecer conosco. Medicamentos são usados sem controle, devido a nossa cultura de alto medicação. Remédios depressivos são vendidos como se fossem doce para crianças insatisfeitas. Questionamos a legalização, mas esquecemos do mal que as legalizadas nos fazem.

Legalizar o uso de drogas não é o problema, é algo muito mais obscuro e complicado do que parece. Se olharmos para os outros países que tem o uso liberado, eles possuem um índice de escolaridade elevado e uma cultura que valoriza a consciência dos atos do individuo, coisa que não abrange a nossa. Como podemos pensar em legalizar algo, se nem ao menos cuidamos das nossas crianças que não tem onde estudar, onde morar, o que comer? Elas que vão ser a nossa sociedade no amanhã, e se não forem bem instruídas, o que era para ser uma vitória do modo de expressão será um total fracasso e aumento da violência.

Maconha, craque, cocaína, LSD, extasê, todas elas não chegam nem perto do álcool e do cigarro. Não quero comparar e justificar o uso, mas elas possuem um alto índice de dependência.

Se fosse legalizada, empresas se aproveitariam para montar um comercio extremamente lucrativo, fazendo propagandas, criando apologia ao uso e vinhetas que seriam assimiladas pela awareness das pessoas. Isso leva a um consumo inconsciente e influenciável, ainda mais se a cultura valorizar isso. Traficantes fariam acordo com empresas, a rota do trafico mudaria, empresários iriam ter um dos melhores ramos para se investir. Ou seja, nosso pais não tem suporte para isso. Além de falar da dependência, mesmo atingido o minino, os destroços são quase irreveciveis.

Liberdade de expressão, direito de consumir... Esquecer suas consequências, e proporções... Se importar com o prazer momentâneo pode ser escolha de cada um, e ninguém deve interferir, mas oque seus atos repercutem, são de conhecimento e importância de todos.

Resto do Post

20 de jun de 2009

Ser tímido

Ser tímido é ser mais fechado em seu mundo, observando tudo, pensando em milhares de possibilidades. Ser atento a tudo e a todos, observar atitudes e reações dos demais, amar com mais força que se possa compreender por alguém, uma atitude muitas vezes inexpressiva e "fria" para muitos. Ser assim é uma coisa difícil. Ser o ser que pensa, que age, que se angustia é sempre muito difícil como qualquer um, mas acima de tudo, isso é feito em silencio e sozinho. Grandes ideias, grandes modos de ver a vida se passam na sua cabeça, mas só em sua cabeça. Muitos dizem que você tem que mudar, outros dizem que é frescura, e ainda falam que você não aparenta ser interessante. E, isso é triste. Quando todos não vêem que tudo que você espera é um pouco de confiança e respeito dos demais, não sabe que quem sofre calado sofre mais e aguenta mais.

Viver sendo você sem precisar mostra para ninguém, sem precisar ser o que os outros querem que você seja, carregando um mal e ao mesmo tempo uma dádiva. Quem faz calado, aprecia mais. Todos temos capacidade, todos somos capazes, só aqueles que tem um bom contato consigo mesmo podem seguir em frente sem muito se machucar. Ser tímido pode ser, chato, pode lhe atrapalhar, pode fazer muitas coisas não darem certo. Tudo é uma questão de ponto de vista, e como se nessa situação. Ser tímido é ser você além de tudo, ser tímido é possuir um diamante que ainda não foi descoberto, ser tímido é ser diferente, pode se tornar sua cruz ou sua gloria.



Resto do Post

Conto de fadas como você nunca viu

Queria da os créditos para a minha amiga Rachel por ter me falado sobre isso e ao blog oqueeisso, onde eu tirei as informações. Este vai ser o primeiro texto que eu não irei escrever, mas coisas como essa não deverão ser muito frequentes. Boa leitura :]

10 O Gaiteiro de Hamelin


No conto do Gaitero , nos temos uma cidade infestada de ratos . Um homem chega vestido com roupas de gaiteiro (um caleidoscópio de cores) e se oferece para livrar a cidade dos vermes. Os aldeões concorda em pagar uma grande soma de dinheiro se o flautista puder fazer isso - e ele faz. Ele toca música em sua gaita o que atrai todos os ratos para fora da cidade. Quando ele retorna para o pagamento - os aldeões não pagam portanto o gaiteiro livrar a cidade das crianças também! Nas suas mais modernas variantes, o flautista atrai as crianças a uma gruta fora da cidade e quando o aldeião finalmente concorda em pagar, ele manda-as de volta. No a original mais sinistro , o flautista leva as crianças a um rio onde todos eles se afogam (excepto um rapaz que coxo não podia acompanha-los). Alguns modernos estudiosos dizem que há conotações de pedofilia nesse conto de fadas.

9. Chapéuzinho Vermelho


A versão deste conto com que a maioria de nós está familiarizados acaba com Chapéuzinho vermelho a ser salva pelo lenhador que mata o lobo mau. Mas, na verdade, a versão original em francês (por Charles Perrault) no conto não foi tão simpática. Nesta versão, a menina é uma mocinha bem educada a quem são dadas falsas instruções pelo lobo quando ela pergunta o caminho para sua avós. O Chapéuzinho Vermelho segue os conselhos do lobo acaba por ser comida. E aqui acaba a história. Não há lenhador - não há avó - só um lobo gordo e uma Chapéuzinho Vermelho morta . A moral desta história é não seguir conselhos de estranhos.

8 A Pequena Sereia ( Sereiazinha)

A versão 1989 da Pequena Sereia poderia ser melhor conhecido como “A grande mentira!” Na versão Disney, o filme termina com Ariel a sereia sendo transformada em um ser humano, para que ela possa casar com Eric. Eles casam num um casamento maravilhoso com a participação de seres humanos e marinhos. Mas, na primeira versão por Hans Christian Andersen, a sereia vê o Príncipe casar com uma princesa e ela desespera. É-lhe oferecida uma faca com a qual a pode esfaquear o príncipe, mas em vez de fazer ela saltou para o mar e morre, transformando-se em espuma. Hans Christian Andersen modificado ligeiramente o final para o tornar mais agradável. Em seu novo final, em vez de morrer, quando se transforma em espuma , ela transforma-se numa “filha do ar” à espera de ir para o céu - por isso, francamente, ela ainda está morta, para todos os efeitos.

7. Branca de Neve


No conto de Branca de Neve com o qual todos conhecemos, a Rainha pede a um caçador para matá-la e trazer de volta o seu coração como prova. Em vez disso, o caçador não pode mata-la e retorna com o coração de um javali. Agora, felizmente a Disney não fez muito dano a este conto, mas eles deixaram de fora um importante elemento original: no conto original, a Rainha realmente pede o fígado de Branca de Neve e nos pulmões - que vão ser servido ao jantar naquela noite! Também na versão original, Branca de Neve acorda quando ela é empurrada pelo cavalo do príncipe quando ele a carrega para o seu castelo - não por um beijo mágico . O que o príncipe queria fazer com uma rapariga morta eu deixo para a vossa imaginação. Oh - na versão Grimm, o conto termina com a rainha a ser forçada a dançar até a morte em sapatos em brasa !

6. Bela Adormecida

Na versão original a encantadora princesa é adormecida quando pica o dedo numa agulha . Ela dorme por cem anos, até um um príncipe finalmente chegar, beija-la, e desperta-la . Eles apaixonam-se casam e (surpresa surpresa) vivem felizes para sempre. Mas, infelizmente, o conto original não é tão doce (na verdade, você tem que ler isso para acreditar.) No original, a jovem é colocada para dormir por causa de uma profecia, ao invés de uma maldição. E não é o beijo de um príncipe que acorda: o rei ao vê-la dormindo, e gostando do que vê , estupra-a . Após nove meses ela dá à luz a duas crianças (enquanto ela ainda está dormindo). Uma das crianças chupa o dedo, que remove o pedaço de linho que estava a mantê-la dormindo. Ela acorda para se encontrar estuprada e mãe de dois filhos.

5. Rumpelstiltskin


Este conto é um pouco diferente dos outras, porque, foi modificado pelo autor o original, para torná-lo mais macabro. Na versão original do conto, Rumpelstiltskin transforma palha em ouro para um jovem que enfrenta a morte a não ser que ela consiga fazer isso. Em troca, ele pede a seu primeiro filho. Ela concorda - mas quando chega o dia para entregar a criança, ela não consegue. Rumpelstiltskin diz a ela que ele vai deixá-la fora do negócio, se ela adivinhar o seu nome . Ela ouve-o cantar o seu nome perto do fogo e por isso ela adivinha-o correctamente. Rumpelstiltskin, furioso, corre longe, para nunca mais ser visto. Mas, na versão actualizada, as coisas são um pouco maia confusas. Rumpelstiltskin fica tão irritado que ele bate o seu pé direito no solo. Ele então pega a sua perna esquerda e rasga-se no meio. Escusado será dizer que isto o mata.

4.Cachinho de Ouro e os Três Ursos

Neste conto , ouvimos falar da linda Cachinhos de Ouro que encontra a casa dos 3 ursos. Ela entra e come a sua comida, se senta nas sua cadeira e, finalmente, dorme na cama do urso mais pequeno. Quando os ursos voltam para casa eles encontram-na a dormir - ela acorda e escapa para fora pela janela aterrorizada. Na versão original (que na datas de 1837), tem duas variações possíveis. Na primeira, os ursos e encontrar Cachinho de Ouro e comem-na. Na segunda, Cachinhos de ouro é na realidade uma velha bruxa que salta para fora de uma janela quando os ursos a acordam . A história acaba por dizendo que ela ou quebrou o pescoço ou foi presa por vagabundagem e mandada para a “Casa de Correcção”.

3. João e Maria - Hansel e Gretel

A versão conhecida de Hansel e Gretel, fala de duas criancinhas que ficam perdidas na floresta, até encontrar seu caminho para uma casa de gengibre e doces que pertence a uma bruxa. As crianças acabam escravizados por um tempo em que a bruxa as prepara para comer. Eles encontram a saídas e atiram a bruxa, no fogo e fogem . Em versão francesa anterior deste conto (chamado The Lost Children- As Crianças Perdidas), em vez de uma bruxa, temos um demónio. Agora o demónio é enganado pelas crianças (da mesma forma que Hansel e Gretel), mas resolve isso e põe um chicote para fazer uma criança sangrar (isto não é um erro - ele realmente faz isso). As crianças fingem não saber como chegar ao chicote portanto a mulher do demónio demonstra. Enquanto ela está deitada, as crianças cortam a sua garganta e escapam.

2. A Garota Sem Mãos

Francamente, a versão revista deste conto de fadas não é muito melhor que o original, mas há diferenças suficientes para incluí-lo aqui. Na nova versão, a um pobre homem é oferecido muita riqueza pelo diabo se ele lhe der o que está atrás de seu moinho.. O pobre homem pensa que é uma macieira e concorda - mas é realmente sua filha. O diabo tenta levar a filha, mas não pode - porque ela é pura, então ele corre o risco de levar o pai, a menos que a filha permita que o seu pai corte as suas mãos. Ela acorda e o pai corta as mãos dela. Agora - isso não é particularmente simpático, mas é um pouco pior em algumas das variantes anteriores em que a menina corta as suas próprias mãos para ficar feia para o irmão que está tentando estuprá-la . Em outra variante, o pai corta fora a mão da filha, porque ela se recusa a fazer sexo com ele.

1. Cinderela

No conto de fadas moderno temos a linda Cinderela apaixonada pelo príncipe e as irmãs más casando com dois senhores - com todas a gente a viver felizes para sempre. O conto de fadas tem suas origens no por volta do Século I aC quando a heroína de Strabo se chamava Rhodopis, e não Cinderela. A história era muito semelhante à moderna, com a excepção do sapatos de vidro e da carruagem de abóbora . Mas, por trás da história bonita há uma variante mais sinistra do que a dos Irmãos Grimm: nesta versão, as desagradável irmãs -más cortam partes de seus próprios pés, para servir nos sapatos de cristal - esperando enganar o príncipe. O príncipe é alertado para o tramóia por dois pombos que bicam os olhos da irm-más . Eles acabam por passar o resto de suas vidas como pedintes cegas enquanto Cinderela vivi no luxo, palá cio do príncipe.


Resto do Post

19 de jun de 2009

Apple e a revolução dos iPod's


Primeiramente queria dá os créditos para um blog que foi de onde eu tirei a idéia, por causa do nome bem sugestivo de seu post: Musica," Atire o primeiro iPod quem não gosta de musica".

Vivendo em era High tech, não podia deixá de citar como os ipods ou generalizando mais um pouco, os aparelhos de música modernos mudaram os hábitos e comportamentos de muita gente. Já que o tema é sobre ipods, vou me focar só neles.

É um aparelho que possui um designe simples mas, com extremas revoluções para o campo eletrônico de aparelhos músicais portáteis. O mais inovador de todos e suas teclas sensíveis ao toque, tela de cristal líquido com uma ótima definição, sistema de processamento bem eficiente e extremamente compácto. Além de tocar musicas, ele armazena fotos que podem ser visualizados no mesmo, visualização de vídeos, armazenamento de arquivos, bloco de notas para armazenamento de trabalhos ou qualquer tipo de anotações que também podem ser vistas na tela.

Em relação a música, é um dos aparelhos mais utilizados mundo á fora, criou tendências, estilos, e até um modo de festa baseado nele chamado batalha de iPods. Consiste em colocar o mesmo em um aparelho adaptado, e tocar o "set list" que está nele, se a galera gostar ele continua tocando , se não , é colocado outro em seu lugar.

Hoje ninguém vive sem música, quase tudo é assimilado por contato visual e sonóro. As pessoas no caminho da escola para casa, ou do trabalho escutam música para se distrair, para pensar na vida, em seus problemas, e atitudes diversas, ou até mesmo um anti stress bem eficiente. Isso também facilitou e estigou ainda mais as pessoas a baixarem músicas da Internet e, bandas se promoverem pela mesma. O mercado musical entrou em um paradoxo, onde as gravadoras estavam entrando em crise, por não conseguirem vender mais CD's como antigamente, e as bandas cada vez mais famosas e conhecidas pelo mundo todo. Se tratando de comunicação e versatilidade, a Apple saiu na frente investindo nessa área, onde as bandas e músicas são disponibilizados em seus site ou no do programa iTunes.

Musicalmente falando, foi uma revolução de proporções gigantescas, que ao mesmo tempo era silênciosa e anónima para a maior parte das pessoas do globo. O modo que ouvimos música hoje é baseado no jeito que a "Apple" levou o seu produto. Claro que não foi só ela, mas a grande parte sim, que também ditou a nova revolução e tendência de celulares como o iPhone, só que ele não entra nessa discussão.

Com grandes inovações, surgem grandes problemas. Estimasse que a maioria da população sofra de problemas auditivos no futuro, pelo uso excessivo de aparelhos musicais. As pessoas também estão cada vez mais viciadas, causando um aumento de falta de atenção e isolamento.
Outro problema vem que nem todos tem acesso a essa tecnologia, e em universidades eles estão em bastante uso, especialmente os iPod's Touch, pelo seu acesso a Internet sem fio.

Na área da música eletrônica os computadores da empresa são utilizados para mixagem, e a maioria deles possuem a tecnologia "touch screem". Shows também são muito comuns aparelhos como esse para ajudar no ajuste e afinação de instrumentos e sons.

A "Apple" revolucionou, isso não resta duvidas, ao meu modo de ver foi uma das revoluções mais consideráveis de nossa época, e uma das mais importantes para uma sociedade globalizada, onde de qualquer lugar do mundo você pode acessar e tomar conhecimento de qualquer tipo de musica, novidade, e tipo de banda que queira.

Resto do Post

18 de jun de 2009

Falta de assunto, Nada para escrever.

Nossa esqueci o que iria falar, po cara to sem assunto, é pois eh fiquei sem saber o que dizer, droga de redação não sei o que vou escrever, frases típicas da maioria das pessoas que não tem assunto nenhum ou as ideias parecem ter se escondido delas. Bem eu estava em um momento como esse então resolvi escrever sobre o mesmo.

É incrível como você parece ter as melhores ideias do mundo, mas após um segundo se passar, elas desaparecem como se fosse na velocidade da luz. Lapsos momentaneos, ou profunda falta do que dizer. Em relação ao que falar, acho que não é falta de assunto no real sentido da palavra, acho que é o medo de dizer algo que seja inteiramente desinteressante para o outro, ou simplesmente medo de dizer alguma besteira.

Falta de assunto também acontece quando, não lemos muito, quando não assistimos muitas coisas, ou voltando a me referir ao que disse, só se passar coisas "inuteis" em sua mente.

Alguns enrolam muito , outros simplesmente não dizem nada, em um relacionamento por exemplo, aposto que a maioria das mulheres odeiam caras que não falam quase nada ou não conseguem puxar um assunto. De certa forma é ruim pelo clima ficar meio morto, mas acho que a falta de assunto parte de ambos, já que ela poderia falar alguma coisa de vez enquando ;] e vice versa.

Eu particularmente odeio ficar sem assunto, ou ter assuntos demais e não saber qual falar. Lapsos, aminesias repentinas, excesso de devaneios, ou pura preguiça de pensar. Nossa, mas é humanamente impossível ficar sem pensar, então porque falta assunto? Seria um estado de desinteresse consigo mesmo?

Quando estamos empolgados sempre eles aparecem, quando geralmente estamos tristes( não no sentido angustiado ou reprimido, já que ai existem muitos assuntos, apenas não são expressados) nunca tem nada realmente interessante.

Bem, para quem não tinha nenhum assunto para hoje, acho que acabei falando até demais, onde até do nada pode sair alguma ideia, é preciso querer.

Resto do Post

17 de jun de 2009

2012, Doomsday?

Por volta de Julho desse ano sairá um filme baseado no ano de 2012, que segundo a cultura Maia seria a época da destruição do mundo, que aliando- se com o sitema solar, iria inverter seus pólos magnéticos, causando um enorme caos e destruição global. Conta também que estamos no fim do 4ª mundo ou é o 5ª não sei direito, que seria uma fase de transição para um novo mundo.

Ah uma outra teoria que a NASA esteja pesquisando indícios de um segundo sol, que escondido, chamado "Dark Star" que em 2012 passaria muito perto do planeta, fazendo com que o dia se torne noite. Isso também se encaixa com os relatos apocalípticos da Biblía, que fala sobre o dia de trevas.

Outras culturas, profetizaram o ano de 2012, e a maioria delas dizem que algo grande irar acontecer nesse ano.

Bem, existem vários cientistas que estão trabalhando a respeito pelo fato de muitas coisa se encaixarem nesse ano. O que resta é esperar 2012 chegar e ver o que realmente vai acontecer xD.

Trailer do Filme


Resto do Post

16 de jun de 2009

Friendship

Bem, já que ando muito postando sobre assuntos do mundo e tal eu não queria esquecer as coisas que acontecem no meu. Vou falar um pouco sobre meus amigos, da minha relação de amizade para com eles, dos momentos, das tristezas, agonias, alegrias e etc.

Dês que vim morar por aqui(Fortaleza), eu não me adaptei bem, por ser um lugar estranho, sotaque estranho e etc. Sempre fui tímido e observador, não reprimido apenas reservado. Com o passar do tempo eu fui conhecendo umas pessoas, que por pura sorte, tinha afinidades muito semelhantes mas pensavam bem diferente uns dos outros, nessa época eu tinha uns 15 anos. Não vou citar nomes porque isso deixaria o post mais extenso, então vou ao que realmente interessa.

Vivemos muitas experiências significativas juntos, não no ponto "cliché" e simplista da palavra, mas sim vivemos muitas coisas intensamente. Relacionamentos vinheram e se foram, pessoas que achávamos que eram confiantes, nos traíram e outras mostraram seu valor. Sofrer é inevitável nesse mundo, se decepcionar também, você pode sair ferido e sangrar até a morte ou estanca-las e seguir em frente e ser o melhor que possa ser. Amigos, digo amigos de verdade, são aqueles que estão contigo e quase todos os momentos, não necessariamente fisicamente, mas se preocupam com você, interagem, mesmo a longas distâncias.

Amigos, amizades, independente de qual sejam elas, interferem direta e indiretamente em sua vida, você sempre leva um pedaço de cada um dentro de si, mesmos você não querendo isso. Mesmo as grandes pessoas, precisam deles, independente de cultura, raça, religião, situação financeira.

Dizem que amigos são para sempre, e eu concordo com isso, mas de um jeito diferente. Os amigos pode deixar de se ver, até pelo resto da vida, mas as situações, que cada um viveu junto, são eternas e a imagem e respeito pelo mesmos não mudam com o passar dos anos (digo por experiência própria).

Espero que meus amigos que leiam isso, sintam que eles são extremamente significativos para mim, que vocês são minha fraqueza e minha força ao mesmo tempo e acredite mesmo na velhice não vou esquece-los e lembrarei de quanto foram importantes para mim. Obrigado Deus por todos eles \O/.

Poderia até escrever muito mais sobre o assunto e outras questões, mas espero que isso seja pelo menos suficiente para mostrar que, amigos todos nós podemos ter e quem define o rumo desse relacionamento somos nós, e nunca esqueça, você também pode ser o amigo e a inspiração de outro.

15 de jun de 2009

Alma e Conciência, Comparação com a Fisica Quântica e a Psicologia

Alguém já conseguiu lhe definir precisamente o que seja uma alma? pelo menos dizer em que parte do seu cérebro, ou melhor, em que lugar do seu ser ela se localiza(no sentido preciso da palavra)? Eu acredito que não. Foi algo que me veio a cabeça esses dias, pensei muito a respeito e que me deu uma boa dor de cabeça xD. Acho que todos querem entender o porque do titulo e qual suas ligações com o tal assunto. Parece estranho mas são coisas bem parecidas, ou aparentam, vou mostrar porque.


A física quântica existe para explicar fenómenos de base microscopcas, a relação dos átomos e as radiações e outras proporções micro. Psicologia é o estudo da psique humana e de suas interações com o mundo (psique é alma em grego). Levando esses paramentos em consideração, as relações entre eles são muitas em um ponto de vista materialista. Existe uma teoria na física quântica que tenta explicar os fenómenos da conciencia em proporções quânticas, isso levanta perguntas que se fosse possível prova-la ou compreende-la, seria usada para um computador ou sociedade criar conciencia se si e das coisas, explicaria também as interações da subjectividade e definiria melhor o conceito de alma e sua existencia (mas ainda está só na teoria).

Na Psicologia, vemos vários pontos significativos. A conciência não é algo paupavel, não é algo que se possa ver ( no sentido literal da palavra) e muito menos saber sua localização, mas sabe-se que ela existe. E trabalhando nessa conciência que, dependendo da sua abordagem psicologia, se denomina por vários outros nomes como : Apenas comportamentos, Conciênte e Inconciênte, Fenómenos e etc. Trabalhar com algo "abstrato" é inteiramente complexo e muito inigimatico, mas sabemos que está lá, ponto bem parecido com a física quântica. A alma seria nossa essência, nossa ligação com o outro lado da vida( no ponto de vista religioso), seria nosso maior diferencial entre os demais seres.

Acreditar em alma ou não isso não faz parte desse texto, mas pense, você nunca conseguiu explicar sua conciência e a sua subjectividade que é singular, que nunca nascerá ninguém igual a você, no meu ponto de vista não consigo nega-la mas não posso prova-la em parâmetros científicos. E um enorme paradoxo que eu ainda não consigo entender direito, mas de alguma maneira sinto que existe. É complexo mas pense nisso.

14 de jun de 2009

20 capas de cd's polêmicas

Oi minha gente. Olha eu aqui de novo, um século e meio depois de ter dado a notícia lá da Susan Bola, digo, Boyle. rere
Veja que meu humor continua ótimo :D HEAUHUEAHU
O post de hoje vai ser um pouco extenso, porque vai contar com algumas imagens e tal, mas paciência.
O assunto do dia são as 20 capas de CD que geraram polêmica no passado.
A arte é uma forma de chamar atenção, chocar, informar, publicar, enfim, serve pra um bando de coisa. A arte visual, principalmente. E quando se trata de capa de cd então, podemos separar um tópico só pra falar sobre o poder de choque das capas de cd. Ou poder do ridículo, levando em conta o mal gosto de alguns famosos. Enfim, não mudando o rumo da coisa, as capas de cd tentam chamar atenção do observador de alguma forma, tem como principal atuação despertar o interesse, não precisa sequer ser um aficcionado na banda, é exatamente esse o sentido da coisa, chamar atenção.
Alguns gêneros musicais possuem uma certa predileção por esse tipo de coisa, o rock, o metal, ou simplesmente artistas revoltadinhos. heauhuea
Os puritanos norte-americanos vêm se chocando com letras e capas desde os anos 50 e 60. Barrando e obrigando a alteração de algumas capas. Interessante isso, acham alarmante o fato de uma capa de cd conter uma imagem grosseira, mas não ligam de matar inocentes em guerras, causar pânico nos países adversários, ou coisas do tipo. É super coerente isso, Estados Unidos sempre correto e justo né minha gente. *palmas*

Então vamos lá ao que interessa. Já que vinheram pra chocar, chamar atenção, vamos fazer o que os artistas das capas querem...


É, bem sujestivo... HEUAHUHEHA


Nada a declarar '-'


Muitos não aceitaram a versão açougueiro com bonecas sem cabeça de Yesterday And Today. O disco foi também lançado com uma capa alternativa, com uma foto dos garotos de Liverpool (L) bem comportados. Mas eu prefiro não comportados. rere


Muitos patriotas acreditavam que Bruce Springsteen estava fazendo pipi na bandeira americana.
Bem que deveria ¬¬


É, né...


Também né, tanha dó '-'


Tio Jimy, até tu! Ö



Ele causa, desde sempre.



Uh, coitadinha da guria. '-'



Não, queridos colegas, isso não é um olho.




Essa bem polêmica do Janis Addiction foi banida e substituída por uma branca lisa com o texto “First Amendment to the US constitution guaranteeing freedom of speech.” É, "freedom of speech" por favor minha gente! \o/



Essa tá feiosa, digo mesmo '-'



Tinh que ser NOFX. HEAUHEUAUHUE O pior é saber que não só uma capa de cd né, ainda tem gente que faz um bagulho desses D:


Pra quem não entendeu, é um broca adentrando o orifício mais escondido do ser humano :D


Essa menina parece uma que vive atuando nos filmes da Xuxa ou nos do Didi. Arte pela arte né, sempre.


UH!


Revista masculina é mais barata que cd original, fato.


...



Revista masculina é mais barata que cd original [2]


E por último, pra encerrar com chave de outro, prata, diamante, bronze, e tudo que for precioso... \o/


Tudobem, pegou pesado. Mas ele pode né minha gente. Olha o corpinho dele *-* heauea


Enfim, é isso. Quem denunciar o blog estará indo contra a liberdade de expressão de todo indivíduo, sendo assim um tirato ditador filho da mãe, pois todo mundo tem o direito de falar. \o/
Ora mais...
Brincks minha gente, pode denunciar, direito é direito né. '-'

AddThis