23 de ago de 2009

Um coração que não sabe chorar.. Tempestades e tempestades


Sabe aquela sensação que tudo faz você se sentir só, mesmo muitas pessoas estando ao seu redor, está triste mesmo todos estando felizes, se sentir inseguro quando todos estão seguros.... no pior das hipótezes, não se sentir presente ou deslocado da realidade por achar que você é muito estranho ou está muito pra baixo para pode ser colocar no seu devido lugar? momentos assim são tão comuns e tão importantes que ironicamente são banalizados.

Andar por ai achando um lugar de conforto naqueles que não entendem oque você sente, senti que aquele refugio é apenas uma porta fechada para você, e o melhor a fazer é andar na chuva de duvidas e baixa alto estima.

Sua couraça aparenta está bem, mas o seu interior está esfarelado como pó de areia fina, clamando para que alguém ou algo te ajude a se recompor. Difíceis momentos, difícil clamor que não pode ser ouvido por ouvidos pouco preparados. E a dor continua, a caminhada continua... Ruas estreitas de oportunidades perdidas, por não sabe controlar a maquina que á em você, sua essência desfalece de atenção... Eu pareço forte, mas sou fraco.

Meu coração clama por lágrimas que insistem em não virem, as batalhas me ensinaram a ser forte e a sempre levantar, mas estou cansado de lutar, minha alma procura paz.

Coração teimoso que não consegue aprender a chorar, no momento que mais se necessita, a razão não obedece o sentimento. E oque fazer? bem, o negocio é continuar andando nessa chuva que teima em me seguir a cada esquina, talves na próxima curva o sol abra pra mim e eu possa mais uma vez reorganizar e moldar meu boneco de areia.

Resto do Post

Um comentário:

liláh disse...

a meu colega, eu estou desse jeito ;/
comenta la, beijos

AddThis